Photobucket
Deixe um comentario ->

abril 30, 2008

Mãe...

Este poema foi feito por mim para a melhor mãe do mundo...
A Minha!!!
O tempo não volta atrás
Mas hoje posso entender
Quanto o amor pelos filhos
Nos dá forças para viver
Agradeço a DEUS por existires
Pelos carinhos que me deste
Pelos "NÃOS" que disseste
Mas também te peço perdão
Por tudo o que sofres-te Muitas lágrimas, vi rolar
Pelo teu rosto cansado
Por teus filhos sofrendo
Do seu destino traçado Mãe: és o maior tesouro!
Que alguma vez, posso ter
Sei que darias,a tua vida
Para não nos ver sofrer. Tens um coração, sem igual
No teu rosto, a serenidade!
Todos os dias,pedindo e rezando!
Para os teus filhos a felicidade. Retribuir-te, eu tento,
não sei se vou ser capaz.
Mas darei ao teu neto...
O que sempre me deste
Carinho atenção,compreensão...
Amo-te muito,nunca te esqueças!
Minha mãe querida!!!
By:Lurdes Guerreiro

3 comentários:

Anónimo disse...

LINDA ESTA MUITO BONITO,KEM TEM UMA MAE TEM TUDO,KEM NAO TEM, NAO TEM NADA...UMA GARNDE BEIJOCA LINDA..DESTA TUA AMIGA KE TE ADORA.

BINA PINTO disse...

Amiga adorei esta tua prova de amor.O amor de mãe é sem dúvida o maior do mundo.
Continua assim pk sei ke és também uma boa filha.Te adoro amiga.Mtosss Bjnhosss fofos

Anónimo disse...

Sorry, your browser doesn't support Java(tm).



EU QUERIA, UM DIA, DAR A LUZ A UM POEMA.
POEMA QUE LEMBRASSE TODA TERNURA E DOÇURA
DO SEU COLO ACONCHEGANTE,
DAS SUAVES CANTIGAS ANTIGAS DE NINAR,
DO VAI E VEM DA REDE NO CANTO DA SALA.

UM POEMA QUE LEMBRASSE O CANTO DOS PÁSSAROS EM REVOADAS,
O SOL SE PONDO E AS NOITES ENLUARADAS.
UM POEMA QUE LEMBRASSE A ROSEIRA COR DE ROSA
APINHADINHA DE FLOR, E O MANACÁ
MULTICOLORIDO EXALANDO O SEU ODOR.

UM POEMA QUE RETRATASSE AQUELA BRINCADEIRA DO DEDINHO
"MINDINHO, SEU VIZINHO, PAI DE TODOS, FURA-BOLO,MATA-PIOLHO ".
UM POEMA QUE DESPERTASSE EM CADA CANTO
A INSPIRAÇÃO DAS MUSAS ! QUE FALASSE EM VOZ PROFUSA DESSE SENTIR
TÃO PROFUNDO, BEM MAIOR QUE O MUNDO... O MEU AMOR POR VOCÊ !

POEMA QUE LEMBRASSE A ALEGRIA DO AMANHECER
E OS VERSOS BATESSEM NA ALMA, COMO
O FRESCOR DA GOTA DE ORVALHO SOBRE A RELVA
E O CHEIRO DA TERRA QUANDO A CHUVA CAI.

UM POEMA QUE RASGASSE AS FRONTEIRAS CORRENDO
VELOZ, COMO UMA LENDA, DOMINASSE O UNIVERSO,
PRA CONTAR À TERRA INTEIRA, A GRANDE MÃE QUE VOCÊ FOI !
TENTO DIZER... AS PALAVRAS ESTÃO PRESAS DENTRO DE MIM,
TALVEZ POR EU TER SIDO TÃO SUA E VOCÊ TÃO MINHA, EU
TÃO CARNE DE SUA CARNE, TÃO SANGUE DO SEU SANGUE...

E SERMOS AINDA HOJE, TÃO IGUAIS...TÃO PARECIDAS, TÃO LIGADAS...
APENAS EM PLANOS DIFERENTES, É QUE;
PALAVRAS JAMAIS PODERÃO EXPRESSAR OS NOSSOS SENTIMENTOS.
POR ISSO MÃE ! O MEU POEMA ESTÁ ESCRITO DENTRO DA MINHA ALMA !


catarina

 
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios